Descubra todas as frentes de decode

Desenvolvemos continuamente novas metodologias de coleta e análise de dados para compreender fluxos

Somo um laboratório multidisciplinar de pesquisa e inovação digital da Decode.

Quais as áreas relacionadas à computação em nuvem?

Share:

A computação em nuvem mudou a forma de armazenar informações e trabalho online. Mas quais são as habilidades necessárias para trabalhar nela?


Até pouco tempo atrás, era muito comum armazenar todos os arquivos em dispositivos físicos locais, conectados em uma rede local. O problema é que, caso aquele aparelho sofresse algum erro e o usuário não tivesse a oportunidade de fazer um backup, tudo seria perdido. Com o surgimento da computação em nuvem (ou cloud computing), esse problema acabou.

A computação em nuvem não mudou apenas a forma de armazenar documentos, mas também de executar serviços e trabalhar com softwares. Além disso, ela permitiu que dados fossem gerenciados, armazenados e processados de qualquer lugar do planeta — basta um dispositivo e uma conexão com a internet.

Mas como isso acontece? E quais são as áreas relacionadas à computação em nuvem?

O que é computação em nuvem?

Também chamada de computação em nuvem, a cloud computing é a entrega de serviços pelo meio virtual, dentre eles podemos ter servidores, bancos de dados, softwares, rede e etc. Resumindo: mover os sistemas, desenvolver aplicativos e trabalhar com softwares em ambientes virtuais, sem a necessidade de instalação de qualquer programa em um HD.

“Nuvem” não é um lugar, mas uma forma de gerenciar esses recursos virtuais — já que, teoricamente, ela está do outro lado da sua conexão. A infraestrutura em nuvem é uma rede global de servidores formada por aparelhos espalhados no mundo inteiro que armazenam informações e executam serviços aos usuários.

Por ser efetivamente infinita em tamanho, não há preocupação sobre o limite de espaço. Dessa forma, a disponibilidade de recursos é por demanda, ou seja, conforme a necessidade do usuário. Todos os sistemas de cloud computing são vendidos como serviço, então só se paga aquilo gasto com armazenamento e processamento em nuvem.

Empresas que oferecem esse serviço de armazenamento e gerenciamento são chamadas de provedoras de armazenamento em nuvem (ou provedoras de serviços de nuvem). As mais conhecidas são Amazon Web Services, Google Cloud, IBM e Microsoft Azure.

Quais as vantagens da computação em nuvem?
Existem inúmeros benefícios por trás da virtualização em nuvem. Além do livre acesso em qualquer lugar do mundo sem a necessidade de um computador específico ou servidor local, você tem:

  • escalabilidade de armazenamento e gerenciamento;
  • melhora no desempenho e produtividade;
  • redução de custos com infraestrutura;
  • possibilidade de trabalho remoto;
  • centralização das informações;
  • segurança dos dados;
  • economia de espaço;
  • recursos ilimitados.

Quais são as áreas relacionadas à computação em nuvem?

A área de cloud computing está em expansão. Afinal, cada vez mais empresas desejam adotar essa tecnologia. Para isso, é preciso contar com especialistas. Mas quais áreas e habilidades estão relacionadas? Conheça alguns conceitos de computação em nuvem:

Linguagens de programação

Todos os projetos de computação em nuvem utilizam linguagens como Perl, Ruby, Ruby on Rails e Python, Java ou JavaScript. Portanto, é essencial que o profissional conheça pelo menos uma delas, mas quanto mais ele souber, melhor.

Já SQL é necessário para a compreensão do funcionamento de uma base de dados. Mas o profissional precisa ir além e investir em outras plataformas, como Hadoop, Cassandra e MongoDB.

Arquitetura de computação em nuvem

O profissional de TI responsável pela arquitetura de computação em nuvem supervisiona toda a estratégia de Cloud Computing de uma empresa. Isso significa, basicamente, gerenciar e monitorar o espaço e os recursos utilizados.

Front-end

O profissional de front-end é o que trabalha na estrutura visível para o usuário, ou seja, é ele quem lida com a parte visual de um site ou programa. Porém, esse desenvolvedor tem se tornado o responsável pela construção total de um aplicativo.  Entender como a computação em nuvem pode funcionar com os aplicativos é essencial, principalmente quando há necessidade de unir características específicas de diferentes áreas.

Segurança

Computação em nuvem não existe sem segurança. Afinal, esse é um dos pilares desse tipo de estratégia em uma empresa — a facilidade de acesso e a certeza de que seus recursos estão protegidos contra roubo, vazamento de dados e exclusão.

Por ser um recurso relativamente novo no mercado, ainda não há muitos especialistas em segurança de nuvem. Portanto, é uma habilidade requerida em uma área em expansão.

A computação em nuvem é fundamental para a profusão de dados a serem armazenados e processados pelas empresas. Na Decode, contamos com especialistas para o desenvolvimento de projetos de cloud de acordo com as necessidades específicas de inteligência de dados de cada negócio. Para saber mais, entre em contato conosco.